Ocorrências policiais

Miojo pode responder pela morte de Paola, diz exame de sanidade

Hojemais Araçatuba

A Justiça de Araçatuba já pode remarcar o julgamento de José Emerson de Barros Lins, 22 anos, conhecido como Miojo, pelo estupro e assassinato de Paola Cristina Bulgarelli, 20. Ele foi preso pela Polícia Militar em Castilho dias após o crime.

Os crimes aconteceram em junho de 2015 e o julgamento estava marcado para 6 de fevereiro deste anos. Entretanto, foi adiado a pedido da defesa para que ele fosse submetido a exame de sanidade mental, que foi realizado em 3 de maio.

Segundo o que foi apurado pelo Hojemais Araçatuba o laudo desse exame apontou que o réu é capaz. Assim, ele poderá ser julgado normalmente pelo Tribunal do Júri. Diante dessa constatação, basta a Justiça marcar a data para o julgamento.

Mostre mais

Artigos relacionados

Fechar