Administração Paulo Boaventura (2021 -2024)

Projeto castilhense “Horta Educadora” é oficialmente lançado na Rede Municipal de Ensino

O mais novo Programa de Governo castilhense ensina crianças das escolas municipais a plantarem e acompanhar todo o processo evolutivo de hortaliças e legumes em hortas instaladas no próprio ambiente de estudo

A Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Desporto voltou a juntar forças com a Secretaria de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo para lançar mais um programa de Governo da atual administração dentro do ambiente escolar. Batizado com o nome de “Horta Educadora: Ferramenta de Ensino e Aprendizagem Ativa”, o projeto piloto foi oficialmente colocado em prática na manhã desta quinta-feira (02), na EMEIEF “Profª Maria Dauria Silva Oliveira”.

Para transmitir conhecimentos práticos aos alunos daquela rede municipal, as secretarias montaram toda a estrutura necessária para implantação da horta, contendo irrigação, cobertura com folhas secas e até mesmo palha para proteção do solo e controle de pragas.

Outra providência foi a disponibilização das mudas, cujo plantio está sendo realizado pelos próprios alunos do 9º ano daquela escola, sob a supervisão técnica e orientação do Engenheiro Agrônomo Rodolfo Scapim. Durante este e os futuros encontros com os pequenos, Rodolfo ensina aos alunos as técnicas agroecológicas de plantio e manejo para garantir hortaliças no consumo da merenda escolar.

O Horta Educadora permite o contato direto dos alunos com a natureza, trazendo as atividades típicas do campo para dentro do âmbito escolar”, destaca o Engenheiro Scapim. Além dele, os demais técnicos das secretarias envolvidas acompanharão o desenvolvimento da horta para garantir que as crianças possam “aprender fazendo”.

SEGUNDA ETAPA – O plantio e manejo da horta é apenas o primeiro passo de um projeto ainda mais abrangente, que prevê a criação de um sistema agroflorestal na sede da escola. Neste espaço, serão plantadas árvores frutíferas, legumes e também árvores nativas, formando um ambiente agroecológico completo e totalmente propício para o aprendizado dos alunos.

O programa ‘Horta Educadora: Ferramenta de Ensino e Aprendizagem Ativa’ foi iniciado na EMEIEF Profª Maria Dauria como piloto, mas a proposta é expandir o mesmo para outras unidades escolares, promovendo a educação ambiental e nutricional em cada uma de nossas escolas”, conclui a secretária de Educação, Silvânia Cintra.

Mostre mais

Artigos relacionados

Fechar