Regional

Vereadores aprovam cessão de prédio para Associação dos Autistas de Andradina

Noticias do Serginho

A prefeita Tamiko Inoue vai formalizar convênio de cessão de imóvel para abrigar a Associação de Amigos dos Autistas (AMA). O projeto de lei que recebeu aprovação unânime da Câmara de Vereadores irá possibilitar atendimento de uma antiga demanda, suprindo uma lacuna regional no atendimento a pessoas portadoras de Transtorno do Espectro do Autismo (TEA).

O autismo, como é popularmente conhecido, trata-se de uma condição de saúde caracterizada por déficit na comunicação social (socialização e comunicação verbal e não verbal) e comportamento (interesse restrito e movimentos repetitivos).

A advogada Solange Maria Cândido Santiago Castilho Teno, voluntária da AMA, destacou a importância da conquista. Segundo ela, existem diversas pessoas em Andradina e na região que há muito tempo lutam para conseguirem um espaço em que pudessem acolher os autistas e seus familiares. “Agora, os profissionais da Educação, da Saúde e outros voluntários poderão desenvolver o trabalho que já fazem em casa ou consultórios particulares e os autistas e seus familiares passarão a ter uma referência para atendimento”, completou.

Aprovado durante sessão ordinária na noite da última segunda-feira (03), o projeto autorizou a cessão de um prédio na Rua Paulo Afonso, na Vila Mineira, no qual já funcionara parte da Educação Infantil, mas que se encontrava fechado há algum tempo. A concessão será feita por até dez anos.

“Todos os membros da AMA e voluntários estão bastante satisfeitos com a sensibilidade demonstrada pelos vereadores e pela prefeita Tamiko Inoue, disse Solange, em agradecimento ao Legislativo e ao Executivo.

A presidente da AMA, Maria Elizabete Matiussi Roque, disse ontem que o novo prédio garantirá mais segurança aos alunos e familiares. Até então, o atendimento estava ocorrendo em local improvisado. “A nova sede permitirá que façamos adaptações que os autistas necessitam, tanto em relação ao prédio, quanto aos materiais e ao método de trabalho. Em nome da AMA só temos que agradecer aos vereadores, à prefeita, e a dra. Solange Teno que tem se empenhado muito em prol dos autistas”, disse.

De acordo com a presidente, durante a pandemia, as famílias e os autistas têm recebido atendimento por whatsapp, mas as reformas na nova sede já estão começando e o atendimento presencial voltará a ser feito logo que passar a pandemia. “Nós só temos a agradecer”, finalizou Bete Matiussi.

 

 

Mostre mais

Artigos relacionados

Fechar