Castilho

Prefeita Fátima estuda melhorar referência salarial de todos Servidores Públicos

Assessoria de Imprensa

Na tarde desta sexta-feira,29 de Maio, a Prefeita Fátima Nascimento esteve reunida com representantes do Sindicato dos Funcionários Públicos municipais onde foram debatidas as referências salariais.

Cobrada pelo presidente da categoria, Benedito Alves Santana – o Ditão, e pelo advogado Fernando Teixeira, Fátima Nascimento destacou que todas suas ações tem sido para favorecer as categorias que mais tiveram perdas ao longos dos últimos anos.

“Hoje temos mais de 800 funcionários. Não consigo de um dia para o outro mudar a referência de todos sem antes fazer um estudo completo do impacto financeiro que isso causaria na folha de pagamento”, comentou a Prefeita.

Porém, ela reafirmou que enquanto não tiver essa a análise em suas mãos para que possa contemplar a todos não concederá benefícios individuais.

“O que o sindicato quer é que haja realmente isso. Uma alteração na referência de todos servidores”, disse Fernando Teixeira. “Mas nós reconhecemos e agradecemos tudo que a senhora tem feito para nós. Todos nossos pedidos foram atendidos dentro do que era possível atender. Não temos do que reclamar”, completou.

Na reunião também participaram o secretário de Administração, Jorge Abdalla, o diretor de RH, Wagner Ricardo, e o contador Eder Soares, além do presidente da Associação Comercial, Roni Willer. Todos foram favoráveis ao posicionamento da Chefe do Executivo.

CONQUISTAS – No decorrer da reunião, a Prefeita relembrou algumas das medidas adotadas em seu Governo para o bem estar do funcionalismo público. Entre 2017 e 2020 foram concedidos 11,62% de reajuste salarial sempre dentro da inflação. No vale alimentação foi um aumento de R$ 140,00. Antes eram R$ 500,00 e hoje são R$ 640,00.

Nesse período também foi instituído o PDV (Programa de Demissão Voluntária), gratificação aos motoristas do transporte escolar, auxílio transporte aos servidores que atuam nas escolas rurais, reajuste aos professores conforme o Piso Nacional, reajuste a todos agentes comunitários e de vetor também conforme o Piso Nacional, pagamento de vale alimentação para servidores afastados pelo INSS por doenças crônicas, gratificação aos brigadistas municipais, taxa de isenção para inscrição em concurso e processos seletivos e vários outros.

Mostre mais

Artigos relacionados

Fechar