Ocorrências policiais

Justiça de Andradina condena Neimar

Não. Não se trata do famoso jogador ex-santista e atualmente no francês PSG , craque da seleção brasileira de futebol, dono de um dos maiores salários do futebol mundial. O galáctico Neymar tem seu nome grafado com “Y”. Não é ele que responde ao processo na Justiça de Andradina, distante milhares de quilômetros de Paris.
O Neimar do título desta reportagem é grafado com “i” mesmo. Mais simples.

A reportagem do Paparazzi News apurou que este Neimar, com sobrenome Josias Barros, foi condenado pela Justiça de Andradina a 1 ano de reclusão, em regime semiaberto, e 10 dias-multa pelo furto de dois celulares, em audiência realizada na segunda-feira (9).

De acordo com o processo que consta no site do Tribunal de Justiça de São Paulo, a promotoria de justiça acusou Neimar de furtar dois celulares de um carro estacionado na rua Barão do Rio Branco, em Andradina, no dia 23 de setembro de 2019. O veículo estava com os vidros abertos.

Os aparelhos foram avaliados em R$ 2,4 mil. Neimar foi preso em flagrante por dois policiais militares após verificarem imagens de câmeras de segurança. Na audiência de custódia, a Justiça concedeu a ele o benefício da liberdade provisória, atendendo a pedido do Ministério Público.

O réu confessou o furto tanto na delegacia quanto para o juiz. Ele poderá recorrer da decisão.

Mostre mais

Artigos relacionados

Fechar