Cliques do Paparazzi

Dia Nacional da Juventude na Diocese reúne centenas em Castilho

A Diocese de Araçatuba dedicou o dia 13 de outubro para a realização de mais um DNJ (Dia Nacional da Juventude), que durante todo o mês é promovido em todo o Brasil. Sob a intercessão de Nossa Senhora Aparecida, celebrada um dia antes, e também de Santa Dulce dos Pobres, canonizada no mesmo dia, centenas de jovens de todas as paróquias da Diocese se reuniram em Castilho para um dia intenso de atividades.

Nem mesmo o calor, cuja sensação térmica chegou a contabilizar 35 graus ainda pela manhã, desanimaram os jovens, os quais chegaram de várias caravanas das cidades da Diocese, em 15 ônibus. Cerca de 900 jovens, incluindo as equipes de coordenadores e de serviço, não mediram esforços para espalharem o amor de Deus pelo município da região pastoral de Andradina. 

Como gesto concreto, cada jovem trouxe um alimento não perecível. Os mantimentos serão repassados à paróquia local para distribuição às famílias carentes. Os jovens ainda contaram com serviço de enfermagem, em caso de necessidade, bem como de abastecimento móvel de água, com bebedouros em picapes fornecidos pela concessionária Águas de Andradina. 

Acolhidos com um café da manhã, os jovens se dirigiram para a praça central, onde fica a Paróquia São José. A oração matinal lembrou a canonização de Irmã Dulce, bem como acolheu os grupos de jovens. Ainda pela manhã, o bispo diocesano Dom Sergio Krzywy, concelebrando com os padres Paulo Martins, pároco local, e Luiz Henrique Carreira, assessor do Setor Juventude, presidiu a Santa Missa campal, onde valorizou a grandeza do evento e o espaço do jovem. 

“Deus os ama e toma a iniciativa de estar presente nas nossas vidas. Deus o salva, como salva a todos que se aproximam de Cristo, o qual vive entre nós e nos dá razão para nos reunirmos, mesmo com esse calor, motivados por esse Deus que nos chama para fazermos essa experiência de fé e fraternidade. Sejamos agradecidos ao Senhor, pois Ele sempre nos auxilia e quer fazer de nós protagonistas da Igreja. Que cada um dos jovens da Diocese encontre em Jesus o sentido de sua caminhada e serviço missionário. Essa é a importância grandiosa do DNJ em nossas vidas”, afirma. 

Após a Santa Missa, o bispo abençoou o monumento Pedras que se Encontram, uma iniciativa da Paróquia São José que visa marcar a unidade da juventude diocesana, como explica o padre Paulo Sérgio Martins, pároco local.

“A pedra central simboliza Jesus Cristo, a pedra que se torna angular e ponto de unidade. As demais pedras unidas na principal foram trazidas pelos jovens de todas as paróquias da Diocese”, explica. 

ENCONTRO

Após a Santa Missa, os jovens participaram de uma adoração com a irmã Maria Fabiana. Novamente o calor não foi impeditivo para que os jovens fizessem uma intensa oração diante do Santíssimo Sacramento. 

Na parte da tarde, após o almoço, os jovens utilizaram três espaços da cidade para a realização de workshops. O primeiro, no ginásio de esportes, foi com o tema  Ele vive, ministrado pelo movimento Ágape, de Garça (SP). Na igreja, o tema trabalho foi Deus te ama, com a missionária Natália da Silva, de Bauru. No salão paroquial , os postulantes Felipe Miranda e Leandro Aguiar, da Fraternidade Jesus Salvador (irmãos salvistas), de São Paulo. Os jovens tiveram a oportunidade de participar de dois entre os três eventos por meio de inscrições anteriormente feitas, pois intervalos foram ocorrendo no decorrer do tempo.

O DNJ foi encerrado com uma das atrações mais esperadas. O evangelizashow com o cantor Diego Fernandes encerrou a tarde e adentrou a noite, animando  e salientando a fé os presentes e a população castilhense. 

VOCAÇÃO

Para o padre Luiz Henrique, o DNJ foi plenamente satisfatório, especialmente em seu formato, o qual deu dinamismo na ação evangelizadora. “O objetivo específico do DNJ deste ano foi os jovens de nossa Diocese a viverem com fidelidade a sua vocação de discípulo missionário de Jesus Cristo e cultivar um coração solidário no ministério da cidadania para que todos tenham o direito a vida”, salienta. 

Dia Nacional da Juventude surgiu em 1985, durante o Ano Internacional da Juventude, promovido pela Organização das Nações Unidas. O DNJ acontece em todo o País todos os anos no mês de outubro, que também é o mês missionário para a Igreja. 

Na Diocese de Araçatuba, foi realizada a sétima edição do DNJ. Em 2012, ocorreu na cidade de Piacatu. Nos outros anos, foram respectivamente nas cidades de Araçatuba (2013), Valparaíso e Mirandópolis (2014), Andradina (2015), Coroados (2017) e Mirandópolis (2018).  

 

 

Mostre mais

Artigos relacionados

Fechar