Ocorrências policiais

Dupla de alunos confessa plano para matar em escola colegas e professores

Na última segunda-feira (16/09), por volta das 09h00, a Guarnição da Ronda Escolar foi acionada pelo Diretor Adjunto da Escola Estadual, após a faxineira encontrar um bilhete de uma suposta ameaça envolvendo dois alunos de 12 e 13 anos em Três Lagoas-MS.

Conforme apurado pela reportagem do Sigo News MS, o Diretor informou aos militares que na última sexta-feira (13/09), funcionárias da limpeza acharam um bilhete, com os seguintes dizerem: “No dia 20/09/2019 – Atentado na Escola, com objetivo de matar 32 pessoas e 04 professores, seremos heróis”.

De posse informações os responsáveis fizeram uma reunião na escola e acionaram a Ronda Escolar da Polícia Militar para as providências cabíveis, e foram chamados pelos policiais os alunos, de 12 e 13 anos, e na presença do Diretor Adjunto, foi realizado uma revista pessoal nos alunos e em seus materiais escolares.

Com o aluno de 12 anos, foi localizado no seu caderno um desenho de uma suástica com a sigla “PCC” e a data 20/05/1999, fazendo referência ao Massacre de Columbine, que foi um ato terrorista escolar que ocorreu em 20 de abril de 1999 no Colorado, Estados Unidos, terminando com 15 mortes (incluindo os 02 assassinos) e 24 feridos, além de uma imagem colada no final de seu caderno com a imagem de dois homens armados.

Já com o aluno de 13 anos, foi localizado no seu caderno um desenho do Bart Simpson armado e chorando, com o dizer “Sociopat” na parte superior da imagem, uma outra imagem de um homem atirando com o dizer “Para a felicidade de um a tristeza de outros”.

Os policiais em conversa com os alunos, relataram que em amizade um com o outro viram características em comum, sendo seus problemas familiares, onde um alegou que enfrenta problemas com o pai, que alega ser alcoólatra e agressivo em casa, já o outro alega que mora com a mãe e mais três irmãs menores e que por não ter atenção está bem triste e desiludido com a vida.

Indagados se fariam algum atentando na escola, ambos alegaram que sim, dizendo que na próxima sexta-feira dia 20/09/2019, e que tirariam a própria vida logo após o ato, indagados por qual motivo, ambos novamente alegaram seus problemas familiares e descontentamento com a vida.

O Conselho Tutelar foi acionado e direcionou até a Unidade Escolar, acompanhado todos os procedimentos, os alunos mostraram algumas imagens de seus celulares, sendo no celular de um aluno tinha uma imagem dele empunhado uma arma de fogo e imagens de pessoas tristes, já no celular do outro aluno foi localizado fotos dos dois com bandanas de caveiras, imagens e textos do atentado acima mencionado, além dos vídeos do atentado de Suzano-SP.

Diante dos fatos os policiais registraram o Boletim de Ocorrência, para que sejam tomadas as providências cabíveis.

Com informações e imagens:
Elitonchaves/Sigonewsms🎥

Mostre mais

Artigos relacionados

Fechar