Regional

Governo muda cor dos carros da Polícia Militar em São Paulo e não explica motivo da mudança

R7

O Governo de São Paulo decidiu mudar a identidade visual dos veículos utilizados pela Polícia Militar, que abandonam as predominantes cores vermelho, cinza e preto aplicadas sobre um carro branco, com mapa do estado estilizado nas mesmas cores em suas laterais, para uma versão predominantemente branca, com pequenos detalhes nas tradicionais cores da PM paulista.

Os novos veículos já estão sendo entregues pelo Governo para diversas regiões de São Paulo. Três delas, inclusive, já circulam pelas ruas de Presidente Prudente, na região oeste do estado, desde dia 10 de julho.

Em um comunicado distribuído por alguns dos Batalhões da Polícia Militar que já receberam as viaturas, eles destacam que o “novo grafismo faz parte do programa de governo para reforçar a segurança do Estado, sem elevar os custos com “grafismo” (pintura/adesivagem), aproximando-se às características Internacionais de Segurança Pública”.

As motos da Rocam (Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas), do Policiamento Ambiental e até os helicópteros da Polícia Militar devem receber também a nova identidade visual.

Além da mudança nas cores dos veículos, grupos de atuação especializados da PM, como a Rota (Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar) devem ganhar carros com blindagem nos vidros e em parte da carroceria, mas não devem passar por mudanças em suas cores, mantendo os tons cinza e preto com inscritos em branco.

A reportagem do R7, vem questionando a Secretaria de Segurança Pública (SSP-SP) desde 27 de abril sobre a mudança nas cores dos veículos da Polícia Militar, incluindo o total previsto do orçamento para estas mudanças, mas nenhuma resposta foi enviada.

A pasta foi questionada novamente na noite desta quarta-feira (17) e, caso envie uma resposta, ela será publicada neste espaço.

Mostre mais

Artigos relacionados

Fechar