Ocorrências policiais

CDP de Nova Independência registra primeiro óbito após inauguração

Paparazzi News

O detento Gilmar Moreira dos Santos, 32 anos, morador de Rancharia (SP), morreu no mês de janeiro no CDP – Centro de Detenção Provisória de Nova Independência (SP). Ele cometeu suicídio na quinta-feira (24/01), quando estava preso por descumprir medida protetiva e aguardava julgamento numa cela separada de outros presos.

O Paparazzi News apurou que os agentes penitenciários fizeram a contagem e encontraram um interno amarrado a lençóis preso no pescoço. O preso era pertencente a cela 12, a Polícia Civil foi chamada e o caso está sendo investigado em inquérito policial com a linha de suicídio.

A reportagem encaminhou perguntas para a SAP – Secretária de Administração Penitenciária onde até o fechamento deste texto não havia se manifestado dos fatos acima relatados. A unidade tem apenas três meses em ação, teve o valor investido de quase R$ 50 milhões, o imóvel ocupa uma área de 12 mil metros quadrados e possui capacidade para abrigar 823 detentos.

Ela é totalmente automatizada, possui um sistema automático para abertura e fechamento de portas sem que os funcionários tenham contato direto com a população carcerária.

Mostre mais

Artigos relacionados

Fechar