Cliques do Paparazzi

RESGATE DA SOLIDARIEDADE: Associação Comercial de Castilho coloca em ação PM com o Programa Vizinhança Solidária

Divulgação

A ACIC – Associação Comercial e Industrial de Castilho vai implantar com a Polícia Militar o Programa Vizinhança Solidária, em benefício aos comerciantes da cidade. A decisão foi tomada na noite desta segunda-feira (14/1). Uma reunião explicativa conduziu um grupo de comerciantes para aderir à campanha que já mostra bons resultados em Andradina, Murutinga do Sul, Nova Independência e Guaraçaí.

No evento estiveram presentes lojistas da O Boticário, Funerária Pax, Espetinho do João, July Biju, Fenix Moda, Depósito Oliveira, vereador Itamar Vieira e o escritório Rural. Os representantes se reuniram no plenário da Câmara de vereadores da cidade, onde o cabo Marcelo Donegati explicou a importância do programa em que atualmente por Andradina ele administra quase 2 mil pessoas interagindo com alertas pelo WhatsApp.

Participaram do encontro o capitão Valdomiro Garcia, comandante da primeira companhia de Andradina, o sargento Vagner de Souza, comandante do pelotão de Castilho, o sargento Paulino, cabo André e soldado Alencar acompanhou a palestra. Valdomiro Garcia aproveitou para falar da importância da ACIC sob o comando da nova diretoria na pessoa do presidente Roni Paparazzi.

“Temos aqui uma associação que quer defender vocês empresários. O pontapé inicial é dado aqui com o quesito segurança. Queremos mudar a cidade, educar os ambulantes, que lá em Andradina com Atividade Delegada, ninguém desrespeita a lei. Temos uma administração parceira e esperamos que em Castilho possa chegar a ser igual, pois quem ganha é administração, a segurança e principalmente os policiais que vão estar na rua fazendo um bico legalizado, com a viatura do Estado de São Paulo, a prefeitura só tem que pagar a diária o restante é do estado, custo pequeno, eu afirmo”.

O comerciante Marcelo Oliveira comentou que essa iniciativa da ACIC foi de muita relevância. “Fico feliz de saber que estão pensando na nossa segurança mais próxima da polícia, eu já aderi e espero que os outros comerciantes possam vir somar para que nosso comércio seja fortalecido e unido”.

“Nossa cidade é rica, merece respeito e vamos mostrar força com união para cobrar aprovação da Atividade Delegada que após ouvir as palavras dos policiais precisamos ter ela aqui para que nossa cidade tenha mais segurança, parabenizo a ACIC por propor essa parceria com a polícia”, comentou Kleber Muniz, da Funerária Pax.

“Quero agradecer aos que puderam estar aqui, aos que não puderam, entendemos, mas deixo registrado que ACIC veio para dar voz ao comerciante. Vamos pedir e cobrar respostas que possam melhorar nosso comércio, nossa cidade já entrou o ano abençoada com a chegada de novas viaturas, com a vinda do nosso castilhense que hoje comanda o pelotão e agora com a implantação desse programa enriquecedor que é o Vizinhança Solidária. Estamos no caminho certo e vamos em buscas de conquistas sempre”, concluiu Roni Paparazzi.

Associação Comercial de Castilho coloca em ação o Vizinhança Solidária da PM nos comércios.#INFORMEDAACICCASTILHO#NOSSAFORÇAÉNOSSAVOZ#POLICIAMILITAR#VOCEPODECONFIAR

Posted by Associação Comercial de Castilho on Tuesday, January 15, 2019

O QUE É?

É um conjunto de medidas destinadas a conscientizar as pessoas de uma comunidade da sua importância e responsabilidade na sua segurança pessoal e coletiva, ela visa incentivar as ações de prevenção primária nos locais onde moram, trabalham e estudam.

IMPORTÂNCIA DA PREVENÇÃO?

A prevenção primária consiste nas ações destinadas a evitar ou reduzir a ocorrência de infrações penais por meio da identificação, avaliação, ou redução de condições propícias ao delito, como falta de iluminação, terrenos baldios, buracos nas ruas, imóveis ou veículos abandonados, entre outros.

PORQUE PARTICIPAR?

A participação aproxima os vizinhos, demonstra a importância de cada um na vigilância do local, desenvolve o sentimento de responsabilidade social, dissipa as diferenças e melhora a organização urbana.

RESPONSABILIDADE DA POLÍCIA MILITAR E DA COMUNIDADE.

A Polícia Militar é responsável por ofertar aos integrantes da comunidade ou seus representantes a implantação do programa, a realização de palestras de concretização sobre ações de prevenção primária acerca de medidas básicas de segurança pessoal e coletiva. A comunidade deve se organizar buscando a aproximação de seus integrantes para implementação do Programa e escolher quem serão os tutores.

QUAL O CUSTO?

A implantação do programa é gratuita, sendo que a comunidade poderá, caso considere necessário, custear equipamentos de segurança, de comunicação ou elaboração de placas de identificação, que serão colocadas nos locais onde o programa é desenvolvido.

RESULTADOS ESPERADOS:

Reforçar que a segurança pública é dever do Estado, mas é direito e responsabilidade de todos. O Programa só atingira seu objetivo se contar com a efetiva participação da comunidade, se cada um der a sua contribuição para melhoria da segurança.

INTERESSADOS
Os comerciantes interessados em fazer parte deste grupo de vigilantes, bastam procurar ACIC de Castilho na rua Osório Junqueira, 800, telefone 3741-2055, ou a Polícia Militar no Pelotão de Castilho pelo telefone 3741-1539.

Mostre mais

Artigos relacionados

Fechar